Todos os artigos
|In the flow of work: a importância de aprender durante o fluxo de trabalho

In the flow of work: a importância de aprender durante o fluxo de trabalho

Aprender durante o fluxo de trabalho é uma forma de aproveitar a prática de determinada atividade para trazer conhecimentos importantes ao colaborador. Este conceito existe e se chama In the flow of work. Saiba como usá-lo em sua empresa! A educação corporativa apresenta, constantemente, novas soluções que buscam otimizar os processos de treinamento e desenvolvimento

    Share
por Sitel Staff setembro 17, 2020 - 3 MIN READ

Aprender durante o fluxo de trabalho é uma forma de aproveitar a prática de determinada atividade para trazer conhecimentos importantes ao colaborador. Este conceito existe e se chama In the flow of work. Saiba como usá-lo em sua empresa!

A educação corporativa apresenta, constantemente, novas soluções que buscam otimizar os processos de treinamento e desenvolvimento nas empresas.

Um destes novos tipos de aprendizagem se chama learning in the flow of work, que na tradução significa aprender durante o fluxo de trabalho.

Assim, é possível focar mais em fatores práticos do que teóricos e, inclusive, otimizar o tempo da operação.

Saiba mais sobre este conceito e entenda como ele pode ajudar sua empresa nos tópicos a seguir:

O que é in the flow of work?

O que é in the flow of work?

Criado por Josh Bersin, o termo tem ganhado cada vez mais destaque e se refere a um modelo de aprendizagem que acontece no momento em que o colaborador está trabalhando.

A solução pode ser aplicada em tempo real, no dia-a-dia da empresa, e pode estar relacionada à diversas atividades profissionais.

Vamos mostrar duas formas de implementar essa metodologia e suas possíveis aplicações. Confira!

Realidade aumentada

Em uma linha de produção de calçados, o supervisor da operação costuma fazer as anotações da mostragem de produtividade em um papel.

Ou seja, a cada momento em que passa um produto na sua frente, ele precisa anotar caso algum detalhe esteja fora do padrão, como costura errada, excesso ou falta de tecido etc.

Para facilitar este processo, a empresa deu a ele um óculos de realidade aumentada. Agora, basta usar comandos de voz para fazer as anotações e o equipamento armazena e apresenta as informações em tempo real.

Além de otimizar seu trabalho, ele consegue identificar padrões com mais facilidade, aprender por meio dos vídeos e áudios disponibilizados pelo óculos e, com isso, ficar mais capacitado a cada dia de trabalho.

Bots de treinamentos

Fora da indústria, em trabalhos mais relacionados a escritórios, os bots de treinamento também podem funcionar como uma ferramenta in the flow of work.

No setor de CX, por exemplo, é possível usar esta solução para facilitar a rotina dos agentes durante cada atendimento.

Em vez de consultar os manuais da marca para solucionar dúvidas ou resolver demandas dos clientes, o colaborador pode conversar, em tempo real, com um bot que sabe tudo sobre a empresa.

Dessa forma, o atendimento acontece de forma fluída, sem que o consumidor perceba que o agente fez uma consulta.

Além disso, cada informação obtida fica mais viva na memória do profissional, pois ele relacionará aquele aprendizado a uma situação prática, vivida durante o fluxo de trabalho.

Como contar com esse modelo de aprendizagem?

Modelo de aprendizagem com tonbot

O tonbot, solução em treinamentos do Grupo Sitel, já é uma referência em treinamentos que buscam ir além do tradicional.

Mais um do que um chatbot, ele atua como um parceiro da equipe, pois além de entender tudo sobre a marca, sabe o que os colaboradores precisam para atingir seus resultados.

Por estas características, a ferramenta é perfeita para empresas que buscam oferecer aprendizados durante o fluxo de trabalho.

Afinal, toda a comunicação entre o bot e os colaboradores pode ser feita a qualquer momento – inclusive durante a realização de uma atividade.

Essa capacitação in the flow of work não diz respeito, apenas, ao desenvolvimento de habilidades práticas e teóricas.

Isso porque o tonbot atua como um termômetro da operação, auxiliando os colaboradores em questões comportamentais, emocionais e motivacionais.

Outro ponto importante é que o bot também é um divulgador da cultura organizacional da empresa. Toda a sua personalidade e modo de se relacionar são construídos de acordo com os pilares e objetivos da marca.

Assim, durante os treinamentos realizados no fluxo de trabalho, é possível garantir que a equipe, além de bem treinada, esteja alinhada aos propósitos da organização.

Quer saber mais sobre o tonbot? Acesse!

Tonbot: um novo capitulo do people management

Posts recentes

Qualidade no atendimento: como o Sitel At Home é capaz de surpreender gestores, agentes e clientes

A qualidade do atendimento é capaz de fidelizar e surpreender os clientes! No modelo Sitel At Home, isso tudo é…

READ ON

Descubra porque o atendimento pelo WhatsApp é o “novo queridinho” dos clientes

O atendimento pelo WhatsApp se tornou uma realidade para as empresas! A crescente popularidade do aplicativo contribui com isso.

READ ON

Transformação MAX: A visão da Sitel sobre o futuro do CX redesenhada pelos seus colaboradores

A experiência do colaborador é a experiência do cliente

READ ON

Como as novas tecnologias auxiliam no trabalho remoto

As novas tecnologias possibilitaram que o trabalho remoto ganhasse a confiança das empresas neste momento de pandemia! Saiba como isso…

READ ON