Todos os artigos
|Como melhorar a experiência do colaborador em 2023

Como melhorar a experiência do colaborador em 2023

Pessoas e tecnologia, sustentabilidade e criar conexões emocionais positivas e duradouras lideram as tendências na experiência do colaborador.

    Share
por Sitel Staff janeiro 16, 2023 - 3 MIN READ

A cada ano, surgem inovações em Customer Experience que visam impulsionar uma experiência positiva. Entretanto a experiência do cliente é proporcional à experiência do colaborador, e é preciso concentrar esforços no Employee Experience em 2023 para obter uma experiência bem-sucedida.

Para proporcionar insights acessíveis ao mercado, Welington Alves, Country Manager do Sitel Group®, salienta a importância de proporcionar uma experiência positiva aos colaboradores e, assim, criar uma boa cultura organizacional forte: “As pessoas passam a ser inseridas no que está acontecendo dentro da empresa, e experiência do cliente é a experiência do colaborador, então isso se reflete muito no atendimento final”.

Tecnologia e pessoas: a tendência número um para 2023

Investir em tecnologia é a principal forma de melhorar a experiência de seus colaboradores. Isso porque a tecnologia é uma das principais formas de proporcionar uma experiência de aprendizado e educação imersiva e eficiente para o time.

“Esse tipo de mudança faz com que a experiência [do colaborador] em buscar informação, em aprender, entender mudanças no procedimento e tudo mais, seja uma experiência divertida, seja uma experiência que ele não enxergue como algo monótono, difícil, porque sabemos como, para muita gente, ler é uma uma dificuldade, não é algo tão fácil, então, é preciso transformar a atividade em algo divertido”, comenta Welington Alves a respeito da inserção da tecnologia enquanto ferramenta poderosa de aprendizado.

Entretanto, cabe aos líderes terem cuidado para não aplicarem soluções tecnológicas sem fundamentação objetiva. A tecnologia, enquanto um grande facilitador na melhora da experiência do consumidor, quando aplicada sem objetivos claros pode ser prejudicial. 

“No final das contas, o que vale são as pessoas e a experiência. A tecnologia apresenta muitas oportunidades, mas desde que essas oportunidades sejam centradas nas pessoas e nas necessidades dessas pessoas”, conclui o Country Manager a respeito da tecnologia enquanto auxiliadora do aprendizado dos colaboradores.

Sustentabilidade e a experiência do colaborador

Hoje, uma empresa que não tenha uma política sustentável bem estabelecida já não é aceitável. Grandes corporações e investidores globais já não firmam negócios com empresas que não apresentam medidas efetivas de ESG.

Essas medidas também são essenciais para alinhar os posicionamentos da empresa com as expectativas e ideologias de seus colaboradores. Afinal, muitas pessoas evitam fazer parte da equipe de uma empresa cujos ideais estão em conflito com seus próprios.

Mais que atender as expectativas de seus colaboradores frente a esse assunto tão importante para a sociedade como um todo, cabe à empresa educar seus colaboradores a respeito da sustentabilidade e trazer exemplos positivos a eles. “Esse tipo de conscientização representa as sementinhas que vamos plantando”, afirma Welington. “Principalmente quando se fala em ESG, em sustentabilidade, em que a experiência do colaborador pode ser refletida, acredito que cabe à empresa estender o papel de direcionar as pessoas para o caminho correto”.

Criando conexões emocionais duradouras

Finalmente, é importante criar um ambiente de conforto para os colaboradores, onde se sintam acolhidos e bem-vindos. O senso de pertencimento é essencial para o Employee Experience, pois mais do que entender o local onde trabalha, é crucial fazer parte do que acontece na corporação.

Para isso, a transparência por parte da empresa para com sua equipe é essencial. Na Sitel®Brasil, são realizadas reuniões a cada 45 dias, em que são comunicados todos os mais recentes acontecimentos da corporação. Após o bate-papo, é possível tirar dúvidas a respeito do que foi dito.

“É uma oportunidade para as pessoas passarem a se sentir parte da decisão”, comenta o Country Manager. “Isso faz com que a pessoas se sintam parte da empresa, parte da decisão, e o sentimento de integração aumenta bastante. Além disso, ter sempre conversas sinceras, olho no olho, já faz uma mudança muito grande. Aí conseguimos ter uma integração muito bacana com as equipes”.

Ademais, uma experiência do colaborador positiva gera resultados extremamente positivos para a própria corporação. Possibilitar a existência de um ambiente de trabalho que incentiva seus colaboradores, que os torna mais felizes e satisfeitos com a empresa em que trabalham, que unem o time e, principalmente, que trazem um senso de conforto e pertencimento, faz com que a performance da equipe também seja melhor. 

Finalmente, estabelecer uma experiência positiva para o time é benéfico para todas as partes envolvidas e pertencentes ao ambiente corporativo. “Se o colaborador é bem guarnecido, se o colaborador está bem inserido em seu ambiente de trabalho, o atendimento é muito mais fácil, logo a experiência do cliente final é muito positiva”, finaliza Welington Alves.

Posts recentes

Sitel Fit: um programa de saúde e bem-estar

Um programa que mistura tecnologia e bem-estar, o Sitel Fit aprimora a experiência do colaborador no Sitel Group®.

Leia

As cinco métricas mais importantes para medir a satisfação do cliente

As pesquisas de satisfação do cliente são essenciais para coletar feedbacks, que podem ser utilizados para impulsionar melhorias nos canais…

Leia

Entendendo necessidades e medindo a satisfação do cliente

Para alcançar e medir a satisfação do cliente é preciso compreender quem são verdadeiramente seus consumidores, e se a marca…

Leia

Oportunidades e desafios na inclusão e valorização da diversidade

Estruturar uma cultura organizacional baseada na pluralidade de vivências, opiniões e demais aspectos que compõem a experiência humana, bem como…

Leia